Tags

Equipes são capacitadas para agilizar captação de órgãos e tecidos no Azevedo Lima

14 de novembro de 2017

Por Olenka Lasevitch

Desde a semana passada o Azevedo Lima vem capacitando asequipes assistenciais e de suporte para apoiar na captação de órgãos e tecidospara doação. O treinamento, feito diretamente nos setores, busca passarconceitos básicos do processo de captação, como foco na identificação depossíveis doadores; cuidados necessários para uma efetiva captação; rapidez nofluxo de informações, como a comunicação do óbito e o trâmite de documentos.Com todos estes procedimentos agilizados, poderá, enfim, ser feita a abordagemfamiliar pela CIHDOTT. ”O nosso objetivo é manter o nível de captação doAzevedo nos últimos anos, que já chegou a ser o 4º colocado no estado do Rio deJaneiro”, afirma o Coordenador da CIHDOTT, Enfermeiro Maximiniano Martins.Atualmente existem mais de 32 mil pessoas na fila de transplantes no Brasil,sendo que mais de 2 mil somente no estado do Rio (Fonte: ABTO/2017).

Compartilhar

Assine Nossa Newsletter

Receba as últimas novidades em seu e-mail

Esse site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições da nossa Política de Privacidade.

Aceito