Tags

HEAL na condução da tocha olímpica

3 de agosto de 2016

Foi difícil para o enfermeiro Maximiniano Martins, do Hospital Estadual Azevedo Lima, em Niterói, conter a emoção durante a condução da tocha olímpica na noite desta terça-feira (2) na cidade. Max, como é mais conhecido, faz parte do “time” de 50 servidores selecionados para participar do trajeto no estado. Por volta das 19h, ele recebeu o símbolo olímpico na saída do túnel de São Francisco e carregou a chama por cerca de 200 metros ao longo da Avenida Roberto Silveira. Amigos, parentes e colegas acompanharam e registraram em fotos esse momento inesquecível. “Não imaginava que isso poderia acontecer na minha vida. Para mim, só reforça a ideia de que estou cumprindo uma missão ao atuar pela doação de órgãos. Fiquei muito emocionado”, conta Max, que é coordenador da Comissão Intra-Hospitalar para Doação de Órgãos e Tecidos (CIHDOTT) do HEAL.  O fato de ter recebido a tocha ainda dentro do túnel não preocupou o enfermeiro. “Ocorreu uma junção simbólica muito significativa. A chama que simboliza o esporte olímpico também remete à lâmpada, símbolo da enfermagem. Ela saiu da escuridão do túnel para o exterior iluminado. Não poderia ter ocorrido nada mais apropriado para destacar a importância da doação de órgãos”, afirma Max. Mais do que o envaidecimento, o servidor tem utilizado seu papel na condução da tocha para falar sobre a importância de as famílias autorizarem a captação de órgãos quando um paciente sofre morte cerebral. Essa conscientização, que ajuda a salvar vidas e a melhorar as condições de saúde de muitas pessoas, acabou sendo reforçada nessas Olimpíadas. Por coincidência, duas parentes do enfermeiro do Azevedo Lima participaram da condução da tocha em Niterói. Sua tia Aída dos Santos foi quem recebeu o símbolo quando chegou ao município. Ela é ex-atleta e representou o Brasil nos Jogos de Tóquio (1964) e na Cidade do México (1968). Aída passou a tocha para a filha Valeska Menezes, a Valeskinha, jogadora de vôlei e medalhista de ouro em Pequim (2008).

Compartilhar

Assine Nossa Newsletter

Receba as últimas novidades em seu e-mail

Esse site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições da nossa Política de Privacidade.

Aceito
Redimensionar fonte