Tags

HEAL organiza rodas de conversas sobre eventos adversos e fator humano

17 de janeiro de 2020

Na semana passada, o Núcleo de Ensino e Pesquisa (NEP) do Azevedo Lima deu início a uma série de rodas de conversas sobre eventos adversos e fator humano com foco na segurança do paciente e dos profissionais. Segundo a supervisora do NEP, Katia Magalhães Gomes, a primeira roda de conversa aconteceu com representantes dos setores de Psicologia, Controle de Infecção Hospitalar e Segurança e Medicina do Trabalho e em cada reunião novos setores serão agregados até reunir representantes de todo o hospital.  
“Os eventos adversos, tanto os que acontecem, quanto os que quase acontecem, são iminentes e, por isso, é preciso aprendermos a expô-los para adotarmos atitudes preventivas, pois ninguém pode prevenir o que não conhece. O que estamos propondo é fazer esta gestão para protegermos os pacientes e a nós, profissionais”, afirma Katia Magalhães.
Segundo o filósofo e professor Mario Sergio Cortella, todos somos capazes de errar, mas também de aprender muito com as correções dos erros.

A próxima roda de conversa sobre eventos adversos e fator humano acontecerá no dia 24 de janeiro, na sala de treinamento do NEP.

Compartilhar

Assine Nossa Newsletter

Receba as últimas novidades em seu e-mail

Esse site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições da nossa Política de Privacidade.

Aceito
Redimensionar fonte