Tags

Atendimento psicológico para auxiliar no tratamento do câncer melhora qualidade de recuperação dos pacientes

21 de fevereiro de 2019

Saber que está com câncer é impactante para qualquer pessoa,inclusive para a família. Com a notícia, as consequências psicológicas eemocionais podem ser tão danosas quanto o próprio câncer. Pensando nisso, emagosto de 2018, o AME iniciou o atendimento psicológico de pacientes comcâncer, incluindo o acolhimento familiar.

O acompanhamento psicológico começa a partir da confirmaçãodo diagnóstico de câncer, com objetivo de auxiliar o paciente a superar o medo ea buscar forças para a recuperação. “Acompanhar o paciente desde o início ajudaa proporcionar um equilíbrio psicológico e emocional para enfrentar asdificuldades decorrentes do tratamento”, explica a psicóloga Paula Zanchin.

O apoio da família é fundamental para ajudar no tratamento. “Naconsulta, o paciente e o acompanhante entram tensos, assustados, e oacompanhamento psicológico ensina a encararem a doença com mais confiança edeterminação, o que é muito gratificante”, completa.

Compartilhar

Assine Nossa Newsletter

Receba as últimas novidades em seu e-mail

Esse site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições da nossa Política de Privacidade.

Aceito
Redimensionar fonte